NOTÍCIAS

Mobilidade Urbana

No Dia Mundial sem Carro, Virmondes só tem a comemorar importantes iniciativas, como legislador, em prol da Mobilidade Urbana

 

Data especial o 22 de setembro: é o Dia Mundial sem Carro, celebrado internacionalmente em cidades de todo o planeta, com o objetivo de estimular reflexões sobre o uso excessivo do automóvel, além de propor às pessoas que dirigem todos os dias que revejam a dependência que criaram em relação ao carro ou moto. Criado pelo movimento ‘Sem Carro’ (em inglês: Car Free), a data tem como fundamento que os cidadãos experimentem, pelo menos nesse dia, formas alternativas de mobilidade, descobrindo que é possível se locomover pela cidade sem usar veículos automotores.

Adepto das bikes, o deputado estadual Virmondes Cruvinel Filho (PPS) é um dos grandes entusiastas da ideia. Tanto que, em sua atuação como legislador – e isso, desde os tempos de vereador, cumprindo mandato na Câmara Municipal de Goiânia, já propôs inúmeros projetos e ações em prol da mobilidade urbana, contando, inclusive, com a parceria de grupos organizados da sociedade civil – como Pedal Goiano, Bicicletando GO e Brutos D+.

Virmondes foi, por exemplo, um dos grandes defensores da proposta das ciclovias e do fechamento de espaços públicos como o Autódromo, o Centro Cultural Oscar Niemeyer e a Praça Cívica. aos domingos, na capital, para a prática do ciclismo – uma conquista que se reproduz no programa Ruas do Esporte, em tramitação na Assembleia Legislativa, e que o deputado pretende estender a outros municípios goianos.

 

Confira outras propostas importantes de Virmondes neste segmento:

– Projeto cria, em Goiás, o Sistema Estadual de Prevenção ao Furto, Roubo e ao Comércio Ilegal de Bicicletas, uma resposta aos casos frequentes de ações de criminosos, nessa área, em diferentes municípios goianos e também na capital. As ações propostas pelo parlamentar visam estimular a identificação das bicicletas por seus respectivos proprietários; a divulgação da importância da identificação; e a facilitação da comunicação de furtos e roubos de bicicletas, incluindo, nas estatísticas oficiais da Secretaria de Segurança Pública (SSP-GO), registros sobre estes tipos de ocorrência; tudo por meio de um cadastro estadual;

– Outro projeto de lei assinado por Virmondes dispõe sobre a instalação – respeitadas as normas de segurança no trânsito – de suporte para colocação de bicicletas na parte traseira ou dianteira dos ônibus de transporte coletivo de passageiros em âmbito estadual. A proposição tem como objetivo possibilitar que os ciclistas utilizem, simultaneamente, o sistema de transporte público coletivo e as bicicletas. A ideia é criar alternativas para o carro, estimulando o uso combinado da bicicleta com o transporte público, a exemplo do que ocorre em Florianópolis (SC), que implantou em 2013 o ônibus que permite ao passageiro carregar suas bicicletas;

– Mais amplo, o Programa Bicicleta Goiás (PBG) pretende incentivar a inserção da bicicleta como meio de transporte, dispondo, para tanto, sobre as diretrizes que nortearão a proposta, os seus objetivos, os agentes públicos e privados relevantes para a sua implementação, as ações a serem realizadas e os recursos alocáveis para o desenvolvimento do projeto no Estado. A ideia é que o PBG seja instituído e implementado, incentivando o uso da bicicleta como meio de transporte em todas as cidades goianas, com o objetivo de contribuir para a melhoria das condições de mobilidade urbana e também para a mudança de comportamento da população nesse aspecto.